Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

31/03/2016 às 13:24

Advogado acredita que Assange deixará embaixada do Equador até o fim do ano

Escrito por: Redação
Fonte: Portal Imprensa

O ex-juiz da Audiência Nacional espanhola Baltasar Garzón, um dos advogados do jornalista e fundador do WikiLeaks, Julian Assange, afirmou na última quarta-feira (30/3) que acredita que o australiano poderá deixar a embaixada do Equador em Londres até o fim do ano.
 
Segundo a AFP, Garzón anunciou a informação após ser consultado sobre o efeito do posicionamento da Organização das Nações Unidas (ONU), que qualificou como "arbitrária" a prisão contra Assange.
 
"Defendemos e obtivemos uma resolução favorável do grupo de trabalho de detenções arbitrárias, que neste momento Grã-Bretanha e Suécia se negam a implementar. Acreditamos que estão violentando o direito de asilo", disse.
 
O jornalista australiano se recusa a voltar à Suécia por medo de ser extraditado para os Estados Unidos, onde poderia enfrentar um julgamento militar por divulgar milhares de documentos secretos no WikiLeaks, em 2010.