Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

01/06/2017 às 20:44

Anatel vai cortar serviços de TI e parte do call center por falta de dinheiro

Escrito por: Luís Osvaldo Grossmann
Fonte: Convergência Digital

A Anatel precisa de pelo menos R$ 23 milhões para fechar as contas de 2017. Segundo o presidente da agência, Juarez Quadros, o buraco representa um terço dos valores inicialmente previstos este ano para custeio e investimentos – sem incluir as despesas com salários de servidores. Sem dinheiro, a decisão foi de concentrar os cortes em serviços de tecnologia da informação. 
 
“A equipe técnica, a SAF [Superintendência de Administração e Finanças], tem feito trabalho de campo pela necessidade de recursos. Corte está em 33%, em torno de R$ 23 milhões, do custeio e investimento, sem incluir pessoal. Afeta a fiscalização de campo, às vezes falta caixa”, lamentou Quadros. 
 
A queixa já fora expressa abertamente ao Congresso Nacional ainda em abril, quando em audiência na Câmara o presidente da Anatel apontou para o cenário de severa restrição financeira. “É impossível trabalhar com esses limites de orçamento federal”, afirmou à época.
 
Segundo explicou, o jeito será cortar em sistemas eletrônicos e upgrades. “Tem impacto na área de investimento, que abrange principalmente a área de tecnologia da informação. O corte está praticamente todo está concentrado na área de TI. Sistemas que precisam ser desenvolvidos, upgrades, estão afetados. Alguma restrição à operação do call center haverá, não ao nível de desativar, porque seria apenas R$ 1 milhão desse total”, disse.