Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

15/09/2010 às 12:23

Brasileiros e sul-africanos discutem TV digital

Escrito por: Lúcia Berbert
Fonte: Tele Síntese

Governo da África do Sul deve decidir ainda este ano se adota o padrão nipo-brasileiro

Empresários de emissoras de TV e da indústria de equipamentos e softwares estão desde segunda-feira na África do Sul em encontros com as autoridades responsáveis pelo comando da decisão da escolha do modelo de TV digital daquele país. Eles devem assinar declaração de intenções ou de memorando de entendimento com empresas brasileiras, garantindo apoio técnico, caso decidam pelo padrão ISDB-T.

O objetivo do documento é amarrar a participação de micro, pequenas e médias empresas sul-africanas no mercado de TV digital, em associação a empresas brasileiras. O acordo foi proposto por representantes da Namec (National Association of Manufacturers in Eletronic Components).

A África do Sul faz parte da África Austral, bloco formado por 15 países, que deve decidir ainda este ano qual padrão de TV digital será adotado. O Brasil já divulgou o padrão da TV digital nipo-brasileiro a diversos países africanos. A expectativa do governo é de que esse padrão seja adotado por até 17 países do Continente Africano.

Os encontros estão acontecendo em Joanesburgo e Petrória e, alem dos representantes da Namec, constam da agenda conversas com os dirigentes da Multichoice África do Sul, Nico Meyer, da PayTV Platforms, Eben Greyling , e da E.TV, Marcel Golding Local: 5 Summit Road, Dunkel West. Também estão agendadas conversas com representantes do Departamento de Comunicações (DoC), do Departamento de Comércio e Indústria (DTI), do Congresso Nacional Africano, da SABC ("South African Broadcasting Corporation"), da operadora de rede de transmissão Sentech, da agência reguladora local, Icasa, do grupo Dzonga e com jornalistas.

Fazem parte da delegação Ênio Sérgio Jacomino, gerente da Eclipse Engenharia e Consultoria; Roberto Franco, diretor do SBT; Hermenegildo Antuges, diretor da Tecnet; Zalking Lincoln Dantas Rocha, diretor da Hirix/HXD; José Marcelo Amarel, diretor da Rede Record; Ricardo Minari, diretor da Visiontec; David Britto, diretor da TQTVD; Dilson Funaro, diretor da LG; Steve Chang, diretor da Zinwell Brasil; e Marco Szilli, diretor da Tele System. Estão presentes ainda pelo governo brasileiro, André Barbosa, assessor especial Casa Civil, e Flavio Lenz, assessor da Secretaria de Telecomunicações do Ministério das Comunicações.