Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

09/08/2016 às 15:08

Câmbio e juros afetam vendas de computadores e eletrônicos

Escrito por: Luís Osvaldo Grossmann
Fonte: Convergência Digital

Visto como um todo, o desempenho do varejo andou de lado em junho, com alta de 0,1% nas vendas – e um desempenho melhor, com alta de 0,9%, nas receitas do comércio como um todo. No detalhe, porém, o câmbio e os juros – que afetam os parcelamentos – derrubam a venda de eletrônicos e informática, ainda com os piores percentuais de todos os setores analisados. 
 
Não que o cenário geral seja muito favorável. Na série sem ajuste sazonal o volume de vendas apontou queda de 5,3% sobre junho de 2015, 15º taxa negativa consecutiva nessa comparação, porém menos acentuada que as observadas em maio (-9,0%) e abril (-6,9%). Para o acumulado dos seis primeiros meses do ano, a queda foi de 7,0%, menor resultado da série. O acumulado nos últimos 12 meses também registrou a maior queda da série histórica (-6,7%). 
 
“Pressionando negativamente a média global do varejo, destaca-se, principalmente, o recuo de 0,4% no grupamento de hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo, após relativa estabilidade registrada em maio (0,1%), seguido por equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (-3,6%)”, diz o relatório divulgado nesta terça, 9/8, pelo IBGE.
 
Ainda sobre o segmento de equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação, houve recuo de 18,3% frente a junho de 2015. Em termos acumulados, a taxa no semestre foi de -16,2% e nos últimos 12 meses, de -14,0%. “Dentre os fatores que vêm determinando este desempenho, destaca-se a influência da evolução da taxa de câmbio, com reflexo nos preços de alguns componentes eletrônicos importados, em especial, para microcomputadores e aparelhos eletrônicos”, diz o Instituto.