Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

05/08/2016 às 16:33

Conselho da OI insiste em decisão do juiz sobre assembleia

Escrito por: Redação
Fonte: Tele Síntese

Em resposta ao fundo Société Mondiale , ligado a Tanure, o conselho de administração da Oi afirma também que a assembleia não teria competência legal para deliberar sobre todos os assuntos.

Em resposta ao pleito do fundo Société Mondiale, ligado ao empresário Nelson Tanure, que protocolou na CVM novo pedido de convocação de assembleia da Oi, na última sexta, ontem, foi a vez do Conselho de Administração da Oi protocolar a sua decisão no xerife brasileiro.
 
Conforme o conselho, a convocação de assembleia para imputar responsabilidade aos atuais administradores da Oi, como pleiteia o fundo, poderia implicar mudança no próprio conselho, e entende por isso que somente com autorização judicial essa convocação poderia ser realizada.
 
Os conselheiros da operadora brasileira, que está em recuperação judicial, também afirmam que a assembleia a ser convocada não teria competência legal para deliberar sobre alguns assuntos que estão sendo pleiteados pelo fundo.
 
Entre eles,  a anulação da AGE realizada em março de 2015, na qual ficou decidida a permuta de ações entre Oi e Portugal Telecom SGPS – hoje, Pharol. O fundo quer também processar a própria operadora  Oi, Santander, administradores e ex-administradores concessionária e os controladores portugueses reunidos na Pharol.
 
O conselho autorizou ainda a Oi a contratar jurista para emitir parecer sobre os pleitos do fundo para a convocação da assembleia.