Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

07/12/2011 às 00:01

FENAJ busca agilizar tramitação das PECs do Diploma no Senado e na Câmara

Escrito por: Redação
Fonte: FENAJ - Federação Nacional dos Jornalistas

Após o amplo respaldo de 67 senadores para a aprovação da PEC do Diploma no Senado em 1º turno, a Executiva da FENAJ trabalha para que a tramitação da matéria avance no Senado e na Câmara dos Deputados. Com este objetivo, representantes dos jornalistas intensificam contatos com lideranças partidárias no Congresso Nacional nesta quarta-feira (7/12). Ao mesmo tempo, a orientação aos apoiadores do movimento em defesa do diploma é de que empenhem-se em organizar atividades de fortalecimento da campanha nos próximos dias.

No dia 30 de novembro a PEC 33/2009, de autoria do senador Antônio Carlos Valadares (PSB/SE), foi aprovada por 65 votos a sete. Respaldaram a proposta o PT, PCdoB, PSB, PSOL, PP, PRB e PR. Já os líderes do PSDB, DEM e PTB liberaram suas bancadas e o PSD posicionou-se contra a obrigatoriedade de diploma para jornalistas. Para saber como se posicionou cada um dos senadores presentes na sessão, clique aqui.

A Executiva da FENAJ já marcou uma reunião com a Frente Parlamentar em Defesa do Diploma para esta quarta-feira, dia 7, com o objetivo de acelerar a tramitação da proposta que restitui a exigência do diploma para o exercício da profissão de jornalista na Câmara dos Deputados. Também busca articular com senadores Valadares (autor da PEC), Inácio Arruda (PCdoB/CE – relator) e lideranças dos demais partidos a votação da matéria em 2º turno no Senado.

“Tivemos uma repercussão muito positiva da votação da PEC no Senado na semana passada”, conta o presidente da FENAJ, Celso Schröder. “Por isso buscaremos fazer com que a posição já amplamente manifestada pelos senadores seja reafirmada em 2º turno imediatamente”, completa.

Nesta perspectiva, a FENAJ convocou os Sindicatos de Jornalistas e demais entidades apoiadoras da PEC do Diploma a participarem das atividades no Congresso Nacional nesta quarta-feira. Também os orientou a contatarem imediatamente os senadores para agradecer o voto favorável e solicitar a rápida votação em 2º turno, bem como a buscar reforçar o apoio junto aos Cursos de Jornalismo, professores e estudantes, estimulando-os a enviarem mensagens aos parlamentares, bem como a organizarem mobilizações em defesa da PEC do Diploma.

Amplo apoio
Em nota oficial emitida segunda-feira (5/12), o Fórum Nacional de Professores de Jornalismo (FNPJ) manifestou que “aposta que a formação universitária permite ao estudante de Jornalismo, por meio de atividades laboratoriais, projetos experimentais e participação em pesquisas acadêmico-científicas, vislumbrar possibilidades de atuação no mercado não restritas aos grandes grupos de mídia hegemônica deste país, grupos estes que insistem na defesa da não exigência do diploma universitário, mais preocupados em garantir seus interesses e privilégios particulares, que pouco refletem as demandas sociais e públicas de políticas de comunicação e produção cultural”.

O FNPJ agradeceu o apoio dos senadores que votaram favoravelmente à PEC 33/09. “Esse amplo apoio é imprescindível para que os jornalistas, estudantes e professores de Jornalismo de todo o Brasil tenham condições de manter a luta pela excelência na formação profissional, compromisso público com um jornalismo de qualidade e capaz de contribuir para o acesso universal à cidadania”, diz o documento.