Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

31/07/2006 às 08:56

Fidel Castro traz TV cubana ao Brasil

Escrito por: Redação
Fonte: Folha de São Paulo

O Brasil poderá assistir aos discursos intermináveis de Fidel Castro e a novelas de Cuba, de onde veio a influência das primeiras tramas brasileiras. A Cubavision Internacional, uma emissora via satélite gerada em Havana, terá pela primeira vez um estande na feira da ABTA (Associação Brasileira de TV por Assinatura), que acontece de terça a quinta. O objetivo é expor sua programação às operadoras brasileiras e tentar uma negociação para transmissão no país. O canal tem dificuldades para ampliar a distribuição, em parte por conseqüência do embargo dos Estados Unidos. A programação da Cubavision Internacional é formada, além de novelas, por telejornais, filmes, documentários e muitas imagens das paisagens turísticas da ilha. Empresa estatal, evidentemente, tem ainda um caráter de porta-voz do governo comunista de Fidel. Também estará na feira da ABTA a Telesur, do presidente venezuelano Hugo Chávez. A rede chavista para o exterior, que na última segunda-feira completou um ano, também tenta acordo com operadoras brasileiras para entrar nos pacotes dos assinantes. O estande da TV de Chávez, curiosamente, é vizinho do da Cubavision. Aindano mesmo 'quarteirão' estará a Radiobras (estatal brasileira de comunicação), que pretende emplacar a TV Brasil, uma rede de transmissão internacional. Outra novidade na feira é a presença da Al Jazira, do Qatar, considerada a 'CNN árabe'. Famosa mundialmente desde a Guerra do Afeganistão, a rede do Oriente Médio prepara para este segundo semestre o lançamento de seu canal em língua inglesa. No Brasil, já negocia a distribuição da Al Jazira Internacional com as operadoras de televisão por assinatura e vê na feira desta semana uma oportunidade para difundir sua imagem no mercado brasileiro. Além da TV fechada, as emissoras abertas têm interesse em fechar parceria para receber imagens dos conflitos no Oriente Médio. Dentre os maiores estandes da feira, está o da Buttman, produtora de filmes pornográficos exibidos pelo Sexy Hot, lucrativo canal de sexo explícito da Globosat (programadora de canais pagos da Globo). Emissoras já presentes nos pacotes de assinantes, como HBO, Discovery, Fox, entre outras, aproveitarão a feira para divulgar novidades de suas programações. No congresso, haverá debate de temas 'espinhosos' do setor, como a pirataria e a disputa com as empresas de telefonia.