Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

13/08/2014 às 13:40

Guerra da privacidade: Titãs da Internet invocam 1ª emenda contra Governo

Escrito por: Redação
Fonte: Convergência Digital

Depois de perder em primeira instância uma ação na qual o governo americano exigiu a entrega de dados sobre 381 clientes, o Facebook vem reunindo aliados no recurso contra a decisão da Justiça de Nova York, em junho. Outros gigantes da Internet, como Google, Microsoft e Twitter, reclamam de violações constitucionais que garantem a privacidade dos usuários.

Não é a única ação desse tipo desde que explodiram as denúncias do ex-espião Edward Snowden - em particular envolvendo redes sociais ou buscadores, apontados como facilitadores para o acesso de dados de pessoas em todo o mundo. O Facebook, no entanto, sustenta que se trata do maior pedido já feito por um único órgão governamental.

A rede social entregou fotos e mensagens privadas que, segundo o governo dos EUA demonstram fraudes no sistema de benefícios a pessoas com deficiências. As evidências, segundo a decisão do tribunal de NY, demonstraram que pelo menos parte dos beneficiários são saudáveis. Embora tenha coletado dados de quase 400 pessoas, 62 foram depois acusadas.

A disputa legal, no entanto, atraiu outras empresas - além das já citadas, também se tornaram parte no processo LinkedIn, Yelp, Dropbox, Pinterest, Foursquare, Kickstarter, Meetup e Tumblr. As empresas reclamam violações à 1ª e 4ª emendas da Constituição dos EUA, que preservam a liberdade de expressão e exigem causa provável para buscas.

* Com informações da BBC