Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

28/10/2015 às 15:42

Invasão a grupo de mídia turco gera confronto entre a polícia e manifestantes

Escrito por: Redação
Fonte: Portal Imprensa

Jornalista foi preso no momento em que militares assumiram controle das emissoras

Um confronto entre funcionários e a polícia da Turquia aconteceu nesta quarta-feira (28/10) na sede dos canais Bugün TV e Kanaltürk, de propriedade do grupo de oposição ao governo Koza Ipek Holding, após os militares assumirem o controle das emissoras através de uma decisão jurídica proposta pelo presidente do país, Recep Tayyip Erdogan. 
 
De acordo com a AFP, o confronto foi iniciado após resistência dos funcionários dos canais em permitir que os policiais entrassem no edifício do Koza. Os agentes utilizaram gás lacrimogênio e jatos d’água para dispersar profissionais que se manifestavam contra o golpe. 
 
Um dos que manifestaram contrariedade à medida tomada pelo governo turco, o chefe de redação da Bugün TV, Tarik Toros, estava diante das câmeras no momento da invasão. "Queridos telespectadores, não se surpreendam caso vejam a polícia em nosso estúdio nos próximos minutos". 
 
Em comunicado, a porta-voz chefe da diplomacia europeia, Catherine Ray, considerou preocupante a ação da justiça turca em nomear um administrador pró-governo como gestor do grupo Koza. 
 
"A situação a respeito do grupo Koza-Ipek é preocupante e está sendo acompanhada de perto. Queremos reiterar a importância do respeito à lei e à liberdade de imprensa. A Turquia, como país candidato à adesão ao bloco, deve garantir o respeito aos direitos humanos, que inclui a liberdade de expressão. Vamos continuar apresentando o tema da liberdade às autoridades turcas", concluiu.