Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

28/04/2016 às 17:25

Jornalistas turcos são condenados por reproduzir charge da 'Charlie Hebdo'

Escrito por: Redação
Fonte: Portal Imprensa

Nesta quinta-feira (28/4), os jornalistas Hikmet Cetinkaya e Ceyda Karan foram condenamos a dois anos de prisão por um tribunal de Istambul, na Turquia, por reproduzirem, em 2015, uma charge de Maomé publicada originalmente na revista satírica Charlie Hebdo.
 
A defesa dos profissionais de imprensa pretende recorrer da decisão
Segundo AFP, a dupla reproduziu no jornal Cumhuriyet, de oposição ao presidente Recep Tayyip Erdogan, a charge acompanhada de um editorial sobre os atentados contra a revista francesa. A imagem mostra Maomé chorando segurando um cartaz com a frase “Je suis Charlie”.
 
A condenação aos repórteres vem na esteira de repressão conta a imprensa na Turquia. Em março, o jornal Zaman foi invadido por policiais e segue sob o control de gestores do governo. A Associação de Jornalistas da Turquia informa que, atualmente, existem 32 jornalistas presos no país, além de outros 24 processados por “ofender” Erdogan.