Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

01/02/2016 às 16:56

No Ceará, ministro defende integração da zona rural

Escrito por: Redação
Fonte: Ministério das Comunicações

André Figueiredo visitou residência do Minha Casa Minha Vida em Nova Olinda

O ministro das Comunicações, André Figueiredo, afirmou hoje (30), em Nova Olinda, no interior do Ceará, que o Minha Casa Minha Vida rural terá acesso ampliado para a internet. A declaração foi feita durante a entrega de diplomas do projeto Primeiro Passo, que é implementado em todo o estado pela Secretaria Estadual de Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS).
 
Acompanhado do prefeito, Ronaldo Santana, e de dezenas de jovens da turma de agente operacional de turismo, André Figueiredo comentou que a disponibilização de infraestrutra contribui para a evolução da plena cidadania na área rural. "Estamos trabalhando para desenvolver parcerias que estimulem a evolução das comunidades da região. Com investimentos em fibra óptica ou antenas, vamos instalar internet que conecte os conjuntos habitacionais populares", frisou o ministro, que também anunciou a chegada de uma geradora de televisão educativa para o município até o final deste ano.
 
"São benefícios sociais a partir da integração gerada pela tecnologia. Com o programa Cidades Digitais e o telecentros, os moradores poderão se conectar. Essa integração do país é uma determinação da presidente Dilma Rousseff", garantiu, ao exaltar o apoio da prefeitura e do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras da Agricultura Familiar (Sintraf) de Nova Olinda.
 
O prefeito local, Ronaldo Sampaio, comentou que o retorno dessas iniciativas alcançarão retorno de curto prazo. "A população rural já passou por muitas dificuldades, principalmente com a seca. Com o apoio do governo, alteramos essa realidade. Agora, os benefícios sociais chegarão com velocidade", concluiu.
 
Para o secretário da STDS, Josbertini Clementino, fomentar o desenvolvimento do interior é essencial para o crescimento da população. A juventude capacitada promove o avanço do estado do Ceará. "Para isso, esses projetos integrados com o governo federal são um diferencial para a região Nordeste. Hoje, o povo pode almejar uma vida melhor, pois o governo contribui para que esse sonho vire realidade", disse, ao lembrar que a transposição do Rio São Francisco chegará ao Cariri.
 
Segundo a aluna Maria Naiara, recém-formada, as oportunidades para os jovens revolucionam o panorama do interior. "Batalhamos para concluir essa nova etapa. O povo deseja iniciativas como essa, pois o mercado precisa de mão de obra qualificada. Estamos preparados para novas oportunidades", vibrou, emocionado com o diploma.
 
A presidente do Sintraf local, Francisca Andreia, relatou que a parceria com os governos federal e estadual segue gerando benefícios para a comunidade. "Vamos continuar lutando por mais conquistas para quem cultiva o desenvolvimento do país", concluiu.
 
O evento também contou com as presenças do secretário de Inclusão Digital do MC, Américo Tristão, do superintendente regional do Trabalho e da Previdência Social, Afonso Cordeiro, do gerente regional da Telebras, Edson Santana, e secretário-executivo da Secretaria Municipal de Trabalho, Desenvolvimento Social e Combate à Fome de Fortaleza, Iraguassú Filho, além de outros representantes dos poderes executivo e legislativo da região.