Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

31/01/2017 às 18:28

'O Globo', 'Extra' e 'Expresso' passam a produzir conteúdo de forma integrada

Escrito por: Redação
Fonte: Portal Imprensa

As redações dos jornais cariocas O Globo, Extra e Expresso foram unificadas para produzir conteúdo multimídia em diferentes plataformas. A iniciativa também deve ampliar as edições impressas.
 
De acordo com O Globo, a mudança na estrutura e nos processos de trabalho serão feitas para estender o foco nos meios digitais, principalmente em smartphones. Ao longo do dia, as principais notícias serão aprofundadas com análises, vídeos e infográficos em tempo real.
 
"O consumidor não espera mais o ciclo do passado, que é a edição diária do jornal ou a semanal da revista. A vida é digital, o consumidor é 24/7 (24 horas por dia, sete dias na semana)", observa Frederic Kachar, diretor-geral da Infoglobo.
 
Sem interferências nas características dos jornais, que possuem enfoques diferentes, o novo conceito de redação integrada conta com a chamada Mesa Central de Produção de Conteúdos, para que se possa debater as ideias. Ela será chefiada pelo editor-executivo de Integração, Alan Gripp.
 
Além da mesa, editores-executivos de produção serão distribuídos ao longo do dia para cumprir a jornada do ciclo digital, integrado por macroeditorias, que agrupam as editorias dos três jornais.
 
"O objetivo é conquistar cada vez mais audiência qualificada. Fazer notícia, um conteúdo com essa densidade, esse volume, não é barato. A queda de receita em publicidade é muito forte, temos que buscar no digital clientes novos para os nossos produtos", explica Ascânio Seleme, diretor de Redação d'O Globo.
 
Com as mudanças, as reuniões dos editores vão passar a ter mais recursos técnicos, com a presença de especialistas em redes sociais e em audiência, para analisar em tempo real o comportamento dos internautas.
 
A reforma das redações faz parte de um estudo produzido nos últimos meses pela consultoria de mídia internacional Innovation com diretores e editores-executivos.