Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

18/08/2011 às 03:45

Para cliente, efeito só chega em 2012

Escrito por: Redação
Fonte: Folha de S. Paulo

As mudanças do mercado de TV a cabo só chegarão ao consumidor no início de 2012, tempo previsto entre a sanção presidencial do projeto e sua regulamentação pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

Enquanto isso, as teles já estão traçando seus planos. Num primeiro momento, os clientes "vips" é que sentirão os primeiros efeitos da aprovação da nova lei.

Para eles, com fôlego para pagar uma conta mensal de cerca de R$ 300, as empresas pretendem lançar serviços "quadriple-play" (internet, TV, telefone fixo e celular) pelas redes de fibras ópticas, que suportam velocidades até 100 Mbps.

Nesses planos, os preços deverão ser vantajosos porque Oi e Telefônica querem tomar mercado da Net.

Para os demais clientes, haverá ofertas "triple-play" (internet, telefone fixo e TV) em redes de cobre ou em uma mistura de fibra óptica e cobre. Nesse caso, os preços devem ser até 30% mais baixos na comparação com o preço dos serviços adquiridos separadamente.

Como mais de uma operadora poderá atuar em uma mesma cidade (hoje há restrição), o preço dos pacotes pode cair.