Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

17/03/2016 às 14:03

Presidente turco pede que jornalistas sejam incluídos na definição de terrorista

Escrito por: Redação
Fonte: Portal Imprensa

Erdogan quer incluir jornalistas em determinação sobre terroristas

O presidente turco Recep Tayyip Erdogan pediu na última quarta-feira (16/3) que a definição de terrorista deve ser alterada para incluir seus "defensores", como jornalistas, parlamentares e ativistas.
 
Segundo O Globo, a determinação ocorre após o atentado que deixou 35 mortos em Ancara no último domingo (13/3). Três acadêmicos foram presos sob a acusação de propaganda terrorista depois de lerem, publicamente, uma declaração pedindo o fim das operações de segurança no Sudeste da Turquia, área predominantemente curda.
 
Dois dias depois, um britânico foi detido ter sido encontrado com panfletos impressos pelo Partido Democrático do Povo (HDP), uma legenda curda. 
 
Também na última quarta (16/3), a chanceler alemã Angela Merkel destacou que a  União Europeia (UE) deve se manter firme junto à Turquia em relação à liberdade de imprensa e aos direitos dos curdos.
 
"Frente à Turquia, devemos insistir em nossas convicções sobre a proteção da liberdade de imprensa e o tratamento dado aos curdos", afirmou Merkel na véspera de uma cúpula da UE com representantes do país para negociar uma solução para a crise migratória.
 
Em novembro de 2015, dois jornalistas do jornal independente Cumhuriyet foram presos por um artigo em que acusavam o governo de vender armas aos rebeldes islamistas sírios. Apesar de serem libertados, os dois devem ser julgados no próximo dia 25 de março e podem ser condenados à prisão perpétua.