Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

07/04/2016 às 14:46

Promotoria alemã abre investigação contra humorista por sátira na TV sobre Erdogan

Escrito por: Redação
Fonte: Portal Imprensa

A Promotoria Pública de Mainz abriu uma investigação contra o humorista alemão Jan Böhmermann por uma sátira que ele fez ao presidente turco Recep Tayyip Erdogan, exibida no programa humorístico da emissora ZDF.
 
De acordo com a Deutsche Welle, as autoridades receberam cerca de 20 denúncias que criticavam o teor da brincadeira. A legislação alemã prevê pena até três anos de prisão e multa para casos de ofensa a chefes de Estado e governo estrangeiro.
 
No episódio, o apresentador leu o poema "Crítica vexaminosa", em que insulta Erdogan com uma série de palavras antimuçulmanas. A emissora apagou a passagem de seu site e argumentou que a sátira não corresponde "às exigências de qualidade que a ZDF exige de programas humorísticos".
 
Böhmermann resolveu ler o poema no programa após a tentativa da Turquia de impedir que um esquete da emissora NDR continuasse no ar. A brincadeira, porém, gerou desconforto político. A chanceler alemã, Angela Merkel, disse ao primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, que considerou o conteúdo "deliberadamente ofensivo".
 
Os procuradores pediram ao Ministério da Justiça que entre em contato com o governo turco para saber se o país quer apresentar denúncia contra o humorista. O código penal estabelece que processos de infração contra Estados só podem ocorrer se houver solicitação formal do país ofendido.
 
 
Assista ao vídeo: https://vimeo.com/161343723