Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

10/08/2017 às 20:55

PSB entra com ação no Conselho de Ética da Câmara contra Wladimir Costa por assédio a jornalista

Escrito por: Redação
Fonte: Portal Imprensa

O PSB protocolou nesta quarta-feira, 9, uma representação contra o deputado federal Wladimir Costa (SD-PA) no Conselho de Ética da da Câmara dos Deputados. O partido acusa o parlamentar de assédio sexual contra a repórter Basilia Rodrigues, da rádio CBN, denúncia feita pela própria jornalista na semana passada.

De acordo com Basilia, ela pediu que Costa mostrasse a tatuagem feita em homenagem ao presidente Michel Temer, para verificar se o desenho era permanente ou provisório. O deputado respondeu que, para a repórter, ele mostraria o corpo inteiro.

A representação do PSB foi confirmada pelo deputado Júlio Delgado (MG) ao jornal O Globo. O documento, que deve ser apreciado em até três sessões ordinárias, argumenta que Costa teve uma postura “inapropriada, impertinente, desrespeitosa e fora do que se espera de um mandatário do povo”.

Costa afirmou que não vai entrar com recurso contra a representação. "Eu tenho convicção que eu não cometi qualquer deslize na ética parlamentar. Eu fui membro do Conselho de Ética e sei o que é decoro. Em momento algum faltei com o respeito à jornalista. Na minha opinião, ela quer holofotes. Foram diversas abordagens de diversos repórteres me pedindo para mostrar a tatuagem. Levei tudo na esportiva, na brincadeira. Nesse dia, quando ela me abordou e pediu para mostrar, em momento algum falei que iria ficar nu ou me despir para ela. Falei em tom de brincadeira porque tenho diversas tatuagens: "Para você eu mostro tudo". Não estava dizendo que faria 'nudes'. Acho que ela pode ter interpretado mal minha resposta. Mas ela me pediu para mostrar a tatuagem diversas vezes. Se eu interpretasse mal o fato dela pedir para eu tirar a roupa e mostrar o desenho, eu poderia denunciá-la por assédio?", questionou ao Globo.