Receba no seu e-mail

Voltar

Clipping

28/10/2010 às 22:45

Testes do ISDB-Tb no continente africano começam no dia 4 de novembro

Escrito por: Fernando Lauterjung
Fonte: PAY-TV

Os testes do padrão ISDB-Tb na África do Sul começam no dia 4 de novembro. Segundo o assessor especial da Casa Civil André Barbosa, os testes serão possíveis porque houve pressão por parte do governo sul-africano. Segundo ele, as empresas que prestam serviço de rede de radiodifusão relutavam em ceder a infraestrutura para os testes. Segundo Barbosa, como o tempo hábil para a realização de testes é muito curto, já que uma decisão sobre a adoção do padrão deve ser tomada no fim do mês, brasileiros e japoneses optaram por concentrar esforços nos testes de cobertura de sinal. "Se os testes foram comparados com testes do DVB-T, vamos estar em vantagem", diz o assessor da Casa Civil. "Só espero que não façam a falcatrua de comparar com testes do DVB-T2, para depois entregar a versão antiga do padrão".

Em um debate sobre a internacionalização do padrão nipo-brasileiro de TV digital que aconteceu durante a Futurecom nesta quinta, 28, Barbosa criticou a atuação do consórcio do padrão europeu de TV digital. Segundo ele, Uruguai e Colômbia adotaram o padrão, mas não implementaram porque não teriam recebido a ajuda prometida por parte do consórcio DVB. Sobre os países que adotaram o ISDB-Tb, Barbosa citou como exemplo a Argentina, que já está implementando as transmissões digitais em uma segunda província, e o Peru, que já tem quatro canais transmitindo digitalmente.

Vizinhança
"Algumas empresas brasileiras têm interesse em fabricar equipamentos no Uruguai", diz André Barbosa. O Brasil tenta reverter a opção do país pelo padrão europeu de TV digital e, para isso, deve oferecer um investimento de R$ 40 milhões, "que pode chegar a R$ 60 milhões". Segundo Barbosa, fabricantes de transmissores, set-top boxes e antenas mostraram interesse em produzir no país vizinho.